Notícias

Pix: cerca de 100 sites falsos para roubar dados já foram criados, diz advogada

0

O Pix – nova modalidade de transferência bancária digital – começou a ser utilizado no Brasil, mas não sem problemas.

A advogada Florence Terada

Diversos clientes vem reclamando que seus bancos estão realizando cadastros no Pix sem autorização, o que provocou o Banco Central a emitir nota nesta sexta-feira (16) de que irá fiscalizar e punir a instituições financeiras que cadastram clientes sem autorização prévia.

Para além do problema de cadastro, a advogada Florence Terada alertou, em entrevista à CNN, que já há no Brasil pelo menos 100 sites falsos que simulam cadastro no Pix com o objetivo de roubar dados de clientes.

“O processo do Pix é seguro, se equipara a um TED ou DOC porque pressupõe a autenticação do cliente. Porém é preciso observar o cadastro em websites. Segundo uma consultoria de segurança da informação, foram criados 100 sites falsos para roubar dados sob pretexto de estar se cadastrando no novo sistema.”

Terada ressalta que o cadastramento não é necessário para a utilização do Pix. Ela diz também que, ao mesmo tempo em que o cliente pode usar um dado pessoal como chave de acesso ao sistema, ele pode escolhar uma chave aleatória para aumentar a proteção de seus dados.

“O cliente pode escolher se quer cadastrar seu celular, CPF e até seu email como chave para receber valores. O cliente que não quiser cadastrar uma chave com dado pessoal, pode gerar uma chave aleatória, com letras e números, sem usar dados pessoais relacionados a conta. É uma opção utilizada para proteger dados pessoais.”

Outras nóticias

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política de privacidade

TERMOS DE USO PARA PUBLICAÇÃO DE COMENTÁRIOS

  1. Em respeito ao direito fundamental de liberdade de expressão, o Portal permite aos Usuários que publiquem comentários junto das notícias e opiniões veiculadas nesta página.
  • O Usuário, sob pena de responder civil e penalmente, compromete-se em fornecer informações verdadeiras e atualizadas para sua identificação pessoal, e isenta o Portal de notícias de responsabilidade quanto a eventuais informações inverídicas que venha a prestar.
  • Usuários menores de 18 anos, que venham a se manifestar e comentar as notícias e opiniões disponíveis no portal, deverão ser assistidos de seus responsáveis, que responderão civil e penalmente pelo conteúdo.
  • O Usuário compromete-se em publicar comentários e manifestações cordiais, que não violem a legislação nacional vigente ou que impliquem em ilícito de qualquer natureza. Sendo vedada qualquer manifestação discriminatória ou que atente contra a dignidade da pessoa humana.
  • Ao publicar comentário, o Usuário autoriza o Portal que exiba o conteúdo por tempo indeterminado, sem qualquer restrição. Sendo facultado ao Portal que se utilize do conteúdo para qualquer fim, sem qualquer ônus, independentemente de consentimento.
  • O Portal se reserva ao direito de registrar e armazenar qualquer comentário realizado pelo Usuário na página, ainda que tal conteúdo venha a ser indisponibilizado ou excluído por qualquer razão.
  • O Portal se reserva ao direito de suspender, remover ou indisponibilizar qualquer comentário ou manifestação realizada pelo Usuário nesta plataforma, independentemente de comunicação prévia ou de justificativa de motivos.
  • O Portal resguarda a possibilidade de fornecer dados e registros dos Usuários às autoridades públicas, com o objetivo de colaborar com procedimentos oficiais de natureza judicial ou administrativa.