Justiça

Filha de prefeito que desapareceu em Erechim é resgatada pela polícia em cativeiro no Paraná

0
Tamires estava desaparecida desde sexta-feira (22), quando foi abordada na saída de um posto de saúde em Erechim   — Foto: Reprodução/RPC
Tamires estava desaparecida desde sexta-feira (22), quando foi abordada na saída de um posto de saúde em Erechim — Foto: Reprodução/RPC

A médica Tamires Gemelli Silva Mignoni, que estava desaparecida desde sexta-feira (16), foi resgatada na noite de quarta-feira (22) em um cativeiro no município de Cantagalo, na região central do Paraná.

Foram presos dois homens e uma mulher na operação, que foi comandada por uma equipe do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Tigre), da Polícia Civil.

Segundo a polícia, Tamires foi sequestrada ao sair de um posto de saúde no bairro Aldo Airolli, em Erechim, no Rio Grande do Sul, onde trabalhava.

Ela foi levada ao cativeiro em seu próprio carro, um Equinox, na tarde da sexta-feira. O veículo foi abandonado próximo a uma fábrica, no bairro Cristal, a cerca de 6km da unidade de saúde. Outros dois automóveis, que podem ter relação com o desaparecimento, foram localizados pela polícia.

Até a última atualização da reportagem, não havia mais detalhes por parte da polícia sobre o resgate da médica.

Tamires é filha do prefeito de Laranjeiras do Sul, Berto Silva, que se manifestou sobre o resgate em uma rede social: “Valeram as orações. A Tamires acaba de ser libertada pelos grupos Deic e Tigre. Nossa menina está voltando pra casa”.

Tamires foi resgatada em Cantagalo, na região central do Paraná, depois de seis dias desaparecida  — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Tamires foi resgatada em Cantagalo, na região central do Paraná, depois de seis dias desaparecida — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Outras nóticias

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política de privacidade

TERMOS DE USO PARA PUBLICAÇÃO DE COMENTÁRIOS

  1. Em respeito ao direito fundamental de liberdade de expressão, o Portal permite aos Usuários que publiquem comentários junto das notícias e opiniões veiculadas nesta página.
  • O Usuário, sob pena de responder civil e penalmente, compromete-se em fornecer informações verdadeiras e atualizadas para sua identificação pessoal, e isenta o Portal de notícias de responsabilidade quanto a eventuais informações inverídicas que venha a prestar.
  • Usuários menores de 18 anos, que venham a se manifestar e comentar as notícias e opiniões disponíveis no portal, deverão ser assistidos de seus responsáveis, que responderão civil e penalmente pelo conteúdo.
  • O Usuário compromete-se em publicar comentários e manifestações cordiais, que não violem a legislação nacional vigente ou que impliquem em ilícito de qualquer natureza. Sendo vedada qualquer manifestação discriminatória ou que atente contra a dignidade da pessoa humana.
  • Ao publicar comentário, o Usuário autoriza o Portal que exiba o conteúdo por tempo indeterminado, sem qualquer restrição. Sendo facultado ao Portal que se utilize do conteúdo para qualquer fim, sem qualquer ônus, independentemente de consentimento.
  • O Portal se reserva ao direito de registrar e armazenar qualquer comentário realizado pelo Usuário na página, ainda que tal conteúdo venha a ser indisponibilizado ou excluído por qualquer razão.
  • O Portal se reserva ao direito de suspender, remover ou indisponibilizar qualquer comentário ou manifestação realizada pelo Usuário nesta plataforma, independentemente de comunicação prévia ou de justificativa de motivos.
  • O Portal resguarda a possibilidade de fornecer dados e registros dos Usuários às autoridades públicas, com o objetivo de colaborar com procedimentos oficiais de natureza judicial ou administrativa.